10 CONSELHOS QUE EU GOSTARIA DE TER RECEBIDO QUANDO COMECEI NA FOTOGRAFIA

1- CONFIE EM VOCE
Sempre fui muito autoconfiante e acho que ter sido atleta de esportes individuais me ajudou muito nisso. Meu pai é fotógrafo, e quando eu quis mudar nosso negócio tive que provar para mim mesmo e para o meu pai que essa mudança era possível. Mudar algo que aparentemente está funcionando – e que sempre sustentou a família – não é uma tarefa simples, mas possível.

 

2- POUPE EM EQUIPAMENTO, INVISTA EM CONHECIMENTO
O equipamento é importante, mas tudo depende do seu olhar e do que você fotografa. Vim de uma família simples, nunca tivemos dinheiro sobrando, então desde cedo tive que pensar muito bem antes de investir. Demorei para aprender isso, mas invista primeiro em você, depois no seu equipamento.

 

3- SIGA E INSPIRE-SE NAS PESSOAS CERTAS
Tive a “sorte” de começar a estudar e me inspirar em grandes referências, não apenas da fotografia, mas também de outras áreas. Aprendi desde cedo que precisava aprender com quem estava a léguas na minha frente. Afinal, são eles que sabem qual é o caminho mais curto – que não necessariamente quer dizer o mais fácil. Aprender com os erros dos outros é a forma mais fácil de você errar menos.
Por isso, acompanhe referências, mas também tenha cuidado: o excesso de informações poderá tornar você um obeso mental (isso é assunto para o próximo e-book).

 

4- QUEM FAZ O SEU PREÇO É A SUA AGENDA
Está começando? Não desanime. É normal entrarmos no mercado cobrando menos, então não se incomode com isso. A boa e velha “oferta vs. procura”, que estabelece o valor de praticamente tudo no mundo, também serve para a fotografia. Se você está com a agenda vazia, talvez o valor está muito alto. Se está com a agenda cheia, talvez o valor está muito baixo. Mas, cuidado pra não cair na armadilha de se tornar um eterno “entrante”.

 

5- FOTOGRAFE MUITO, FOTOGRAFAR É TREINAR
Quanto mais você treinar, mais vai entender sobre luz, composição e perceber os momentos decisivos para uma boa fotografia. A câmera se torna uma extensão do seu corpo e você não vai mais precisar pensar nos ajustes técnicos. No momento que você dominar a matemática, vai conseguir chegar a um novo nível de fotografia: o de se expressar e transmitir sentimentos.

 

6- TUDO QUE É VISTO NÃO PODE SER DESVISTO
Esqueça o vizinho, o melhor fotógrafo da cidade, o coleguinha, o concorrente. Estude e se inspire no que existe de melhor e mais grandioso no mundo. Somos e fotografamos o que vemos, então veja coisas boas. Não pare na fotografia, inspire-se também com filmes, séries, leituras, viagens… (prometo em breve passar uma lista de inspirações pra você).

 

7- CUIDADO COM O IMEDIATISMO
O imediatismo torna as pessoas ambiciosas, e como tudo na vida, a ambição tem pontos positivos e negativos. Faz as pessoas focarem mais, darem o primeiro passo, correrem atrás. Mas ao tempo, cega as pessoas, deixa-as sem paciência e sem entender que tudo tem um tempo certo para acontecer. Seja ambicioso, mas entenda que tudo tem o seu tempo, e ele varia de pessoa para pessoa, então respeite-o.

 

8- TENHA UMA ROTINA
Mocinha ou vilã: depende de como você vai lidar com ela. Muita gente acha que ser fotógrafo é ter uma vida sem rotina, mas ela pode ser uma benção se bem utilizada. Você terá que editar, fazer backup, organizar, vender… Procure criar uma rotina de trabalho e tornar as coisas “chatas” da fotografia um hábito.
Dica de leitura: “O Poder do Hábito”.

 

9- ACEITE AS CRÍTICAS
Você conhece o ditado que diz que “pé que dá fruta é o que mais leva pedrada”? Bem, as críticas irão surgir, e você precisará filtrá-las e absorver apenas as coisas boas. Sejam construtivas ou negativas, sempre podemos aprender e o segredo está em quem consegue aprender sempre, não importa a situação! Busque pessoas cujo trabalho você confia e invista em leituras de portfólio com elas. Isso foi uma das coisas que mais mudou a minha fotografia. Seja humilde.

 

10- NÃO DESANIME
Sim. Você irá cansar. E provavelmente, bem antes da hora. Mas lembre-se que os perdedores são sempre os primeiros a desistir. Entenda que tudo tem sua hora e se a sua for alguns dias mais longe do que as demais pessoas que você se inspira, saiba que é normal. Aconteceu e continua acontecendo comigo todo santo dia. Siga em frente e você será capaz de fazer a diferença na vida das pessoas, quando isso acontecer, o sentimento será único: GRATIDÃO!

www.robisonkunz.com.br

4 Comments

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *